Menu Principal

Prefeitura de Palmas lança edital de regulamento do 10º Festival Gastronômico de Taquaruçu

Completando uma década de existência como o principal evento de fomento à gastronomia regional na Capital, foi lançado na manhã desta quinta-feira, 03, o edital de regulamento do 10º Festival Gastronômico Taquaruçu, que será realizado entre os dias 07 a 11 de setembro, na Praça Vereador Tarcisio Machado da Fonseca, em Taquaruçu. As inscrições serão realizadas do dia 14 a 20 de abril.

O evento possui o objetivo principal de valorizar os ingredientes culinários regionais e a criatividade na elaboração dos pratos, os quais obrigatoriamente devem conter ingredientes típicos da culinária tocantinense. Este ano conta com o incremento a inclusão de uma cota especial de 35% destinadas aos moradores de Taquaruçu, o que corresponde a 25 barracas. Segundo o presidente da Agência Municipal de Palmas (Agtur), Cristiano Rodrigues, essa é uma forma de valorizar a história dos pioneiros deste projeto nesta 10º edição.

 

Outra novidade para este ano será o aumento do peso da participação popular para avaliação dos pratos, que passará de 10% para 25%.

 

Para este ano foram mantidas as três categorias: “Comidinhas Salgadas”, que são sanduíches, pamonhas, salgados, tapiocas, crepes, pastéis, tortas em geral, pizza e cuscuz; categoria “Prato Salgado”, que deve obrigatoriamente consistir em sua elaboração uma proteína com acompanhamentos, e a terceira será a categoria “Prato Doce”.

 

 

Todos os participantes deverão concorrer com uma receita inédita, em apenas uma das três categorias, sendo estas distribuídas em 24 vagas para comidinhas salgadas, 30 para pratos salgados, e 16 para pratos doces. Como aconteceu já no ano passado serão pré-selecionadas as 100 receitas que mais se encaixam no perfil do evento, e estas serão conduzidas para a etapa de degustação. As receitas inscritas e o preparo dos pratos serão avaliados por profissionais da escola de Gastronomia do Senac – Tocantins, para seleção dos 70 melhores que participarão do festival que terá como critério principal a originalidade e criatividade.

 

Quanto à premiação foram readequados os valores e categorias para que possam motivar os participantes a buscarem a primeira colocação. Para isso, foram divididas da seguinte forma: 1° lugar – R$ 5 mil, 2° lugar – R$ 2 mil,  3º lugar  – R$ 1 mil, sendo desta forma as três categorias do festival.

 

Inscrição

As inscrições poderão ser realizadas no Centro de Atendimento ao Turista de Taquaruçu (CATUR), Praça Vereador Tarcisio Machado da Fonseca e no Centro de Convenções Parque do Povo de Palmas, no Plano Diretor Sul, das 8h às 12h e das 14h às 17h, no período de 14 a 20 de abril. Será cobrada uma taxa de R$ 50,00, que deverá ser paga por meio de D.A.M.

 

Os inscritos também deverão obrigatoriamente participar dos  cursos Aprimoramento Culinário Higiene Pessoal, Manipulação de Alimentos e Empreendorismo, realizados em parceria com o Senac-Tocantins e Sebrae-Tocantins.

 

Para o presidente da Agtur, Cristiano Rodrigues, o festival vem mais uma vez valorizar e profissionalizar os participantes do Festival. “A cada ano o Festival cresce mais, e queremos que cresça com qualidade. Por isso, buscamos junto aos parceiros oferecer aos participantes desta edição a oportunidade de qualificação, pois queremos manter um festival com boa qualidade aos nossos palmenses e turistas, e principalmente aos pioneiros deste projeto, que são os moradores de Taquaruçu, onde temos um grande potencial turístico, para que estes possam buscar neste evento uma forma de empreender com qualidade”,  enfatizou o presidente.

 

O prefeito Carlos Amastha destacou a importância do evento não apenas como evento cultural e gastronômico, mas o seu potencial de fomento à economia local. “O Festival, além de uma festa, é principalmente uma atividade econômica, e nossos esforços têm sido no sentido de profissionalizar, o que é percebido a cada ano na apresentação dos pratos e no atendimento, e o Festival tem sido um selo para estes empreendedores, visto que muitos destes, após ganhar o evento, iniciam uma nova atividade econômica na Capital”, destaca o gestor.

 

O chefe do Executivo também ressaltou o potencial turístico do distrito de Taquaruçu como fomentador da economia local.  “Taquaruçu merece uma programação que não seja apenas de visitar suas belas cachoeiras e clima maravilhoso, mas principalmente que o turista possa ficar no distrito, e possa utilizar os serviços de todo o trade turístico e o Festival proporciona isso. Queremos ampliar estes eventos para que isso ocorra mais vezes por ano, para que possamos manter aos moradores do Distrito esta opção econômica por meio do turismo, agregando também o artesanato e o ecoturismo que são um grande negócio, e também o que Taquaruçu tem e muito para oferecer”, ressaltou Amastha.

Fonte: Prefeitura de Palmas

Compartilhe:

Deixe um Comentário

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>